Inside MoodleMoot UK & Ireland 2017 Dia 1: Masterclasses & Apresentações com nosso Educador Comunitário

O Moodlemoot do Reino Unido e da Irlanda deste ano começou na segunda-feira, 10 de abril de 2017, com salas cheias de participantes envolvidos em masterclasses pré-Moot. Mary Cooch, educadora comunitária do Moodle, facilitou a masterclass do curso online. Mary estava interessada em apontar desde o início que, de acordo com os princípios pedagógicos do Moodle, ela não daria palestras de frente, mas incentivaria os participantes a compartilhar suas próprias experiências para que todos pudessem aprender uns com os outros.

Todos nós somos professores em potencial e aprendizes - em um verdadeiro ambiente colaborativo, nós dois somos.

O dia foi composto por quatro sessões - intercaladas com (deliciosos!) Intervalos para café e almoço. Maria também havia organizado cursos para todos em umSite MoodleCloud, dando aos participantes a chance de experimentar os aspectos investigados durante o dia na versão mais atualizada do Moodle.

Sessão 1: Conteúdo foi uma chance para os participantes considerarem os métodos ideais de exibição de materiais estáticos, mantendo sempre em mente o aumento do uso móvel. As discussões ocorreram em grupos e foram coletados comentários, boas idéias e conclusões. Mary descreveu o novo media player principal, VideoJS, disponível no Moodle 3.2, e os participantes exploraram os benefícios (e as desvantagens) de adicionar conteúdo de fontes externas, como Google e Microsoft, em vez de fazer o upload diretamente no Moodle. As melhores integrações do Office e do Google estão chegando no Moodle 3.3, então essa foi uma discussão oportuna.

Sessão 2: Avaliação concentrou-se não apenas nos aspectos práticos das atividades classificáveis, como tarefas, questionários e workshops, mas nas 'melhores práticas' em termos de perguntas e feedback construtivo. Os participantes também se engajaram em uma divertida atividade de aprendizado projetada para destacar a importância de pensar com cuidado ao criar perguntas do questionário.

Sessão 3: Comunicação inspirou muitas experiências interessantes de diferentes organizações sobre o que é permitido e restrito em termos de comunicação professor-aluno e aluno-aluno, notificações e alertas. Mary descreveu as melhorias mais recentes na atividade do fórum e os participantes compartilharam maneiras inovadoras de usar os fóruns. Projeto Inspire também foi tocado quando a conversa se voltou para identificar e se comunicar com os alunos em risco.

Sessão 4: Estrutura inspirou discussões ainda mais animadas sobre como configurar seu site e cursos para melhor atender seus alunos, incluindo:

  • Semanas, Tópicos, Social ou formatos de cursos contribuídos?
  • Você está usando o tema Impulso, tema Limpo ou temas contribuídos?

Embora o dia até agora tenha se concentrado apenas no núcleo do Moodle, esta sessão final também incluiu sugestões de complementos que melhorariam a entrega do curso. Alguns favoritos surgiram, principalmente relacionados a tipos de perguntas e acompanhamento de progresso.

Felizmente, os participantes das masterclass foram para casa com algumas soluções práticas para avançar o design do curso on-line em suas próprias organizações. Talvez alguns deles retornem no próximo ano e apresentem os resultados!

Mary também apresentou no segundo dia do MoodleMoot UK e Irlanda, uma apresentação focada em Educação Baseada em Competências no Moodle (você pode ver os slides da apresentação no Slideshare) e o outro focado em 10 itens interessantes para professores e alunos no Moodle 3.1 e 3.2 (também disponível para visualização agora no Slideshare).

Escreva um comentário